Tag Archives: Oriente Médio

A Fonte das Mulheres

18 Feb

Assistir filmes sobre a vida de mulheres em qualquer país do Oriente Médio – ou majoritariamente mulçumano – me faz achar ridículas algumas reclamações feitas deste lado do mundo por nós. “A Fonte das Mulheres” é um filme de 2011 rodado no Marrocos que me fez refletir e rir bastante.

Ele conta a história dos moradores de uma aldeia pobre cujo o abastecimento de água vem de uma fonte afastada. As mulheres são as responsáveis por buscar a água, mas o esforço da caminhada já provocou abortos em quase todas. Ao pedir ajuda aos homens e estes recusarem por uma questão de tradição, elas fazem greve de sexo – o único poder sobre eles.

Elas vivem em um contexto inimaginável. Afinal ser presa por seu marido em casa e isso ser uma atitude socialmente aceita, e não um crime de cárcere privado, não é algo que você espera por aqui.

Em uma cena, um senhor adverte ao professor da escola local para não chamar mais as meninas, para não fazer questão da presença delas. Pois, o que aconteceria se elas gostassem? Se fossem para a cidade continuar os estudos e voltassem grávidas? E quem ia fazer o serviço doméstico?

Isso é o pior, é a raíz de tudo. Mantidas como analfabetas, são procriadoras e empregadas, sempre consideradas estúpidas e inferiores. Menos para poucos como o professor da escola, marido de uma das heroínas.

Ah e a velha Fuzil, quanta sabedoria!

Enfim, super recomendo e aqui vai o link para assistir o filme dublado no youtube.

A invenção do povo judeu

11 Feb

Hola mis queridos!!! Galera, finalmente comprei o livro “A Invenção do Povo Judeu”, do historiador austríaco e judeu, Shlomo Sand. Embora, ele prefira ser reconhecido como israelense e não judeu.

Sand concedeu uma entrevista à Folha e disse:  “Por que o sionismo define o judaísmo como um povo, uma nação, e não como uma religião? Acho que insistem em ser um povo para terem o direito sobre a terra. Povos têm direitos sobre terra, religiões não”. Depois que descobri o livro , pensei, eu tenho que ler esse cara! É uma ideia muito interessante e que pode fazer muito sentido.

Bem, vou postar um Desligue a TV! sobre A Invenção assim que possível.

"Enquanto o Estado palestino não for reconhecido nas fronteiras de 67, acho que a violência não vai parar."