Hei me empresta aí.com

10 May

Sabe aquelas coisas úteis que compramos mas usamos pouco? Como, por exemplo, um martelo ou uma escada que frequentemente emprestamos?

Pois bem, hoje vou indicar um site em que é possível fazer empréstimos dos mais variados objetos.

Ainda não se sabe se a ideia vai “pegar” aqui como em alguns países estrangeiros. Por outro lado, se você tem pouco tempo ou afinidade com seus vizinhos vale a pena tentar. 

O site trabalha com a ideia de consumo colaborativo, ou seja, nós podemos consumir compartilhando nossas coisas. É uma maneira um tanto “radical” para a  nossa sociedade consumista e individualista. Sobretudo em um momento onde uma nova classe média chega ao mercado e faz questão de ter de tudo um pouco, um de cada, para cada um.

Sendo assim, é claro que é um conceito alternativo, hippie, modernoso, etc… Porém quando lembramos dos “lixões” fora e dentro das cidades, nos mares, acredito ser é um tipo de ideia que vale a pena ser promovida cada ves mais.  

Ou revitalizada, afinal a maioria das sociedades ocidentais foi deixando os hábitos de compartilhamento nos últimos séculos. E aí está a História para mostrar isso.

Advertisements

3 Responses to “Hei me empresta aí.com”

  1. Ítalo h. Alves May 10, 2011 at 9:25 pm #

    Engraçado, tenho percebido esse tipo de coisas com um viés bem diferente.

    Esse tipo de proposta anda pipocando na nossa sociedade, como por exemplo: compras em grupo, compartilhar bens (inclusive milionários estão fazendo isso com seus bens)e agora empréstimos a grandes grupos… seria isso um vírus na sociedade do Capital?

    • Lola como le gustas May 10, 2011 at 9:33 pm #

      Sim, eu concordo que há muitas coisas nesse sentido e com a ajuda da internet para facilitar. Mas acho que, de uma maneira geral, ainda vivemos no individualismo. Não sei se isso vai mudar, mas acho esss ideias mais voltadas ao coletivo bem interessantes. Obrigada pelo comentário = )

  2. Daniel May 12, 2011 at 5:59 pm #

    Eu num uso muito minha escova de dentes, mas nem por isso topo emprestar! hehehe…

    PS.: O que alguns entendem como “vírus da sociedade do capital”, eu prefiro entender como dinamismo dessa sociedade. Diferente de um vírus novo, o dinamismo sempre existiu, e essa idéia de emprestar coisas não utilizadas é só mais uma forma desse dinamismo que é, ele mesmo, a sustenção dessa sociedade.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: