Archive | February, 2011

Eu juro que não entendo

26 Feb

Tiririca na Comissão de Educação e Cultura da Câmara – Aha!

E ainda questionado se o seu voto, na pauta sobre o aumento do salário mínimo, seguiu orientação do partido ou do PSDB ele diz:

“Ih, então eu votei não e saiu sim”.

Eu não intindi o que ele falou...

Mais uma vez, nada tenho contra o artista. Mas ele está no lugar errado. Talvez ele prove o contrário, o que seria muito bom, vamos esperar.

Thayara Martins

Advertisements

O coronel justiceiro

23 Feb

O empresário Nenê Constantino mostra que continua na ativa em sua 2ª função: ” o Coronel Justiceiro”.

Parece  nome de vilão de  história em quadrinhos ou novela das 9h, mas é, aparentemente o papel desse senhor. Nenê Constantino é acusado de mandar matar um líder comunitário e atentar contra a vida do genro. Na sexta passada, uma testumnha chave no processo de investigação desses fatos foi baleada na porta de casa, em Águas Lindas. João Marques, ex-empregado do empresário, levou três tiros. 

 A história é antiga e, para o leitor se situar e entender melhor, aqui vai uma sinopse

“Que é? Tá me olhando feio por quê?”

 

Nenê Constantino é fundador da Gol Linhas Áereas e dono da Viação Planeta.

As pessoas não entendem, estou apenas cuidando dos meus negócios

 

Thayara Martins

Dica de leitura

14 Feb

O jornalista Clóvis Rossi foi muito perspicaz no texto “Islã não pode ser o judeu do século 21“. Por isso indico aqui a leitura.

Aproveito para sugerir, também, o documentário: Árabes Malvados – Como Hollywood transforma um povo em vilão.

 

Thayara Martins

Valeu peixe

5 Feb

Manchete

Romário é flagrado jogando futevôlei no Rio no 1º dia de sessão legislativa.

Justificativa

“A presença não era obrigatória”.

 

Ahhhhhh

Eu juro que eu tento prestar atenção aqui...

 

E no fim das contas, o sacrifício vale a pena.

Valeu otário

Para a conta dele, é claro!

Endividado, como todos sabem, agora  ele tem uma ajuda de custo para saldar todas.

Como os brasileiros são generosos e solícitos..

 

Thayara Martins

Desligue a TV!!!! Cabeça de Turco

4 Feb

Vivendo em uma cidade alucinante e sem endereço certo… estou em dívida aqui. Enfim, as ruas por aqui estão cheias de estrangeiros. São bolivianos, peruanos, árabes, africanos e, é claro, coreanos, japoneses e chineses. A maioria está aqui porque acredita ter oportunidades melhores do que nos seus países de origem.

E é sobre essa busca por uma vida melhor em terras estrangeiras que trata o livro “Cabeça de Turco”, do jornalista Günter Wallraff.

É um livro reportagem em que Wallraff, alemão, se disfarça de imigrante turco na Alemanha dividida do pós-2ª Guerra. As várias situações narradas por ele causam revolta e beiram ao absurdo, a algo insuportável para dignidade de um ser humano.

Esse é o livro para um final de semana sóbrio e que depois ainda vai deixar aquele ar de impotência.Entretanto, conhecimento é indispensável.

Bolivianos esperam atendimento na Polícia Federal de São Paulo

 

 

Thayara Martins